Saúde

Informativo – Febre Amarela

A febre amarela ocorre nas Américas do Sul e Central, além de em alguns países da África e é transmitida por mosquitos em áreas urbanas ou silvestres. Sua manifestação é idêntica em ambos os casos de transmissão, pois o vírus e a evolução clínica são os mesmos — a diferença está apenas nos transmissores. No ciclo silvestre, em áreas florestais, o vetor da febre amarela é principalmente o mosquito Haemagogus. Já no meio urbano, a transmissão se dá através do mosquito Aedes aegypti (o mesmo da dengue). A infecção acontece quando uma pessoa que nunca tenha contraído a febre amarela ou tomado a vacina contra ela circula em áreas florestais e é picada por um mosquito infectado. Ao contrair a doença, a pessoa pode se tornar fonte de infecção para o Aedes aegypti no meio urbano. Além do homem, a infecção pelo vírus também pode acometer outros vertebrados. Os macacos podem desenvolver a febre amarela silvestre de forma inaparente, mas ter a quantidade de vírus suficiente para infectar mosquitos. Uma pessoa não transmite a doença diretamente para outra.

Segundo o Secretário Municipal de Saúde de Alvarenga, Sr. Geraldo Felício Junior, e orientação dada pela Vigilância Epidemiológica/Superintendência Regional de Saúde de Governador Valadares, é que no momento a mobilização é de se determinar o diagnóstico dos casos e confirmação dos mesmos, sendo que são possivelmente febre amarela silvestre, ainda não houve suspeitas de casos urbanos. Orientação é de que a população, principalmente a rural, use repelentes, mosquiteiros e roupas que cubram o corpo todo e mantenha-se longe de focos.

Outra forma de prevenção seria a vacinação da população, mas de acordo com orientação a sala de vacina deverá atender normalmente com rotina diária, sem alarme sempre de acordo com o calendário de vacinação normal, lembrando que não há falta de vacina, os estoques estão dentro normalidade e caso haja uma demanda o Ministério da Saúde irá suprir necessidades. Caso a pessoa não tenha o cartão e nem sabe quando foi vacinado deverá procura a Sala de Vacina para melhor orientação e ser atendido.

Sobre o autor

Assessoria de imprensa